• SÃO PAULO • 2 DE NOVEMBRO DE 2011 • ANO 35 • Lt. 08 • Nº 61 • A •

COMEMORAÇÃO DE TODOS OS FIÉIS DEFUNTOS

 

Anim. Hoje comemoramos todos os fiéis defuntos. Estes são nossos irmãos que já partiram desta vida e morreram na esperança feliz da ressurreição, pelo fato de serem cristãos. Portanto, a morte de todos os que foram batizados é celebrada, no mistério da Páscoa de Cristo, como passagem para a vida eterna. Entre eles estão nossos parentes, amigos e benfeitores. Queremos também rezar por todos falecidos, cuja fé só Deus co­nhece e cuja esperança é cheia de imortalidade. Com isto, estamos professando que esta vida é uma mera passagem, e nós todos somos peregrinos a caminho da morada definitiva, junto de Deus.

 

 

1. ABERTURA (Fx 15)

A morte já não mata mais, * Perdeu seu aguilhão fatal * Na luta que com a vida travou. * Venceu o Príncipe da paz, * Que em seu combate triunfal, * A morte derrotou!

1. Ao nosso Pai glória e louvor, * Pois, deu vitória a todos nós. * Ó Cristo Jesus, nosso Deus e Senhor, * Mortos ressurgem ouvindo tua voz.

2. Um dia, a hora vai chegar * E, desde já, se pode ouvir * A voz deste Filho de Deus a chamar; * Todos os mortos irão ressurgir.

 

2. SAUDAÇÃO

P. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

T. Amém.

P. Que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espirito Santo estejam convosco.

T. Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

 

3. ATO PENITENCIAL

P. O Senhor Jesus, que nos convida à mesa da Palavra e da Eucaristia, nos chama à conversão. Reconheçamos ser pecadores e invoquemos com confiança a misericórdia do Pai.

(Silêncio)

P. Confessemos os nossos pecados:

T. Confesso a Deus todo-pode­roso e a vós, irmãos e irmãs, que pequei muitas vezes por pen­samentos e palavras, atos e omis­sões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Vir­gem Maria, aos anjos e santos e a vós, irmãos e irmãs, que ro­gueis por mim a Deus, nosso Senhor.

P. Deus, todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna.

T. Amém.

Kyrie

P. Senhor, tende piedade de nós.

T. Senhor, tende piedade de nós.

P. Cristo, tende piedade de nós.

T. Cristo, tende piedade de nós.

P. Senhor, tende piedade de nós.

T. Senhor, tende piedade de nós.

 

4. ORAÇÃO

P. Oremos (silêncio): Ó Deus, escutai com bondade as nossas preces e aumentai a nossa fé no Cristo ressuscitado, para que seja mais viva a nossa esperança na ressurreição dos vossos filhos e filhas. Por N.S.J.C.

T. Amém.

Anim. Ouçamos a Palavra de Deus, que nos ilumina e dá certeza da ressurreição e da vida eterna.

 

5. PRIMEIRA LEITURA (Jó 19,1.23-27a) – Lecionário 1. p. 1052

Leitura do Livro de Jó.

1Jó tomou a palavra e disse: 23Gostaria que minhas palavras fossem escritas e gravadas numa inscrição 24com ponteiro de ferro e com chumbo, cravadas na rocha para sempre! 25Eu sei que o meu redentor está vivo e que, por último, se levantará sobre o pó; 26e depois que tiverem destruído esta minha pele, na minha carne, verei a Deus. 27Eu mesmo o verei, meus olhos o contemplarão, e não os olhos de outros. – Palavra do Senhor.

T. Graças a Deus.

 

6. SALMO RESPONSORIAL Sl.27( 26)

CD Festas Lit. IV (fx 12)

Felizes os de coração puro, * Porque verão a Deus, * Porque verão a Deus!

1. O Senhor é minha luz e salvação; * De quem eu terei medo? * O Senhor é a proteção da minha vida: * Perante quem eu tremerei?

2. Ao Senhor eu peço apenas uma coisa, * E é só isto que eu desejo: * Habitar no santuário do Senhor * Por toda a minha vida;

3.Ó Senhor, ouvi a voz do meu apelo, * atendei por compaixão! * É vossa face que eu procuro. * Não afasteis com ira o vosso servo, * Sois vós o meu auxilio!

4.Sei que a bondade do Senhor eu hei de ver * Na terra dos viventes. * Espera no Senhor e tem coragem, * Espera no Senhor!

 

7. SEGUNDA LEITURA(1Cor 15, 20-23) – Lecionário 1, p. 1073.

Leitura da primeira Carta de São Paulo aos Coríntios.

Irmãos: 20Cristo ressuscitou dos mortos como primícias dos que morreram. 21Com efeito, por um homem veio a morte e é também por um homem que vem a ressurreição dos mortos. 22Como em Adão todos morrem, assim também em Cristo todos reviverão. 23Porém, cada qual segundo uma ordem determinada: Em primeiro lugar, Cristo, como primícias; depois, os que pertencem a Cristo, por ocasião da sua vinda.

– Palavra do Senhor.

T. Graças a Deus.

 

8. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO CD Festa Lit. IV Fx 3

Aleluia, aleluia! Aleluia, * aleluia! Aleluia, aleluia, aleluia! * Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia!

É esta a vontade de quem me enviou: * Que eu não perca nenhum dos que ele me deu, * Mas que eu os ressuscite no último dia.

 

9. EVANGELHO (Mt 11,25-30)

Lecionário, p. 1082

P. O Senhor esteja convosco.

T. Ele está no meio de nós.

P. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.

T. Glória a vós, Senhor.

P. Naquele tempo, 25Jesus pôs-se a dizer: “Eu te louvo, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondestes estas coisas aos sábios e entendidos e as revelastes aos pequeninos. 26 Sim, Pai, porque assim foi do teu agrado. 27Tudo me foi entregue por meu Pai, e ninguém conhece o Filho , senão o Pai, e ninguém conhece o Pai, senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar. 28Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso. 29Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração, e vós encontrareis descanso. 30Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”.

– Palavra da Salvação.

T. Glória a vós, Senhor.

 

10. HOMILIA

 

11. ORAÇÃO DOS FIÉIS

P. No dia em que comemoramos todos os fiéis defuntos, elevemos nossas preces a Deus Pai, pedindo-lhe o descanso e a vida eterna a todos os que partiram de vida:

T. Concedei o descanso e a vida eterna.

1. Aos que receberam a graça do batismo:

2. Aos que testemunharam com o sangue sua adesão a Jesus:

3. Aos que passaram por grandes provações de fé:

4. Aos que serviram a Igreja com seus carismas:

5. Aos que se entregaram ao serviço discreto do Amor:

6. Aos que concedestes a graça da consagração religiosa:

7. Aos que constituístes ministros dispensadores dos vossos sacramentos:

8. Aos que nos ajudaram a construir esta comunidade:

9. Aos que foram chamados de forma repentina:

10. Aos nossos familiares, amigos e benfeitores:

(outras intenções da comunidade)

P. Tudo isso, vos pedimos, ó Pai, por Cristo nosso Senhor.

T. Amém.

 

12. APRESENTAÇÃO DAS OFERENDAS

(Fx 13) Sl. 15/14)

A vida dos justos está nas mãos de Deus, * nenhum tormento os atingirá. * Aos olhos dos insensatos * Pareceram morrer; * Mas eles estão em paz! * Aleluia, aleluia!

1. “Senhor, quem morará em vossa casa * e em vosso Monte Santo, habitará?” * É aquele que caminha sem pecado * e pratica a justiça fielmente;

2. “Senhor, quem morará em vossa casa * e em vosso Monte Santo, habitará?” * Que pensa a verdade no seu íntimo * e não solta em calúnias sua língua.

3. “Senhor, quem morará em vossa casa * e em vosso Monte Santo, habitará?” * Que em nada prejudica o seu irmão, * nem cobre de insultos seu vizinho.

4. “Senhor, quem morará em vossa casa * e em vosso Monte Santo, habitará?” * Que não dá valor algum ao homem ímpio, * mas honra os que respeitam o Senhor.

 

13. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS

P. Orai, irmãos e irmãs, …

T. Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para a glória do seu Nome, para nosso bem e de toda a santa Igreja.

P. Acolhei, ó Deus, as nossas oferendas por nossos irmãos e irmãs que partiram, para que sejam introduzidos na glória com o Cristo, que une os mortos e os vivos no seu mistério de amor. Por Cristo, nosso Senhor.

T. Amém.

 

14. ORAÇÃO EUCARÍSTICA II

(Prefácio dos fiéis defuntos, I)

P. O Senhor esteja convosco.

T. Ele está no meio de nós.

P. Corações ao alto.

T. O nosso coração está em Deus.

P. Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

T. É nosso dever e nossa salvação.

P. Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Nele brilhou para nós a esperança da feliz ressurreição. E, aos que a certeza da morte entristece, a promessa da imortalidade consola. Senhor, para os que creem em vós, a vida não é tirada, mas transformada. E, desfeito o nosso corpo mortal, nos é dado, nos céus, um corpo imperecível. E, enquanto esperamos a realização de vossas promessas, com os anjos e com todos os santos, nós vos aclamamos, cantando (dizendo) a uma só voz:

T. Santo, Santo, Santo, Senhor, Deus do universo. O céu e a terra proclamam a vossa glória. Hosana nas alturas. Bendito o que vem em nome do Senhor. Hosana nas alturas.

CP. Na verdade, ó Pai, vós sois santo e fonte de toda santidade.

CC. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o vosso Espírito, a fim de que se tornem para nós o Corpo V e o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso.

T. Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, ele tomou o pão, deu graças e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo:

TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.

Do mesmo modo, ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos, dizendo:

TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS, PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.

Eis o mistério da fé!

T. Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

CC. Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do vosso Filho, nós vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na vossa presença e vos servir.

T. Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

E nós vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

T. Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

1C. Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça na caridade, com o Papa Bento, com o nosso bispo Odilo e todos os ministros do vosso povo.

T. Lembrai-vos, ó Pai da vossa Igreja!

2C. Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a vós na luz da vossa face.

T. Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

3C. Enfim, nós vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo vos serviram, a fim de vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, vosso Filho.

T. Concedei-nos o convívio dos eleitos!

CP ou CC. Por Cristo, com Cristo e em Cristo, a vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

T. Amém.

 

15. RITO DA COMUNHÃO

P. Rezemos com amor e confiança a oração que o Senhor nos ensinou:

T. Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso Reino, seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.

P. Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo Salvador.

T. Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

P. Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos Apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima a vossa Igreja; dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Vós que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo.

T. Amém.

P. A paz do Senhor esteja sempre convosco.

T. O amor de Cristo nos uniu.

P. Irmãos e irmãs, saudai-vos em Cristo Jesus.

T. Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós. / Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós. / Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.

P. Felizes os convidados para a Ceia do Senhor. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

T. Senhor, eu não sou digno(a) de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo(a).

 

16. CANTO DE COMUNHÃO

Sl. 25(24) CD Festas Lit. IV (Fx 14)

Bem-aventurados os que têm * Um coração de pobre, * Porque deles é o reino dos céus, * Porque deles é o reino dos céus!

1. Senhor Deus, a vós elevo minha alma, * Em vós confio: que eu não seja envergonhado!

2. Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos, * E fazei-me conhecer a vossa estrada!

3. Vossa verdade me oriente e me conduza, * Porque sois o Deus da minha salvação!

4. Recordai, Senhor meu Deus, vossa ternura * E a vossa compaixão que são eternas!

5. O Senhor é piedade e retidão, * E reconduz ao bom caminho os pecadores.

6. Ele dirige os humildes na justiça, * E aos pobres ele ensina o seu caminho.

7. O Senhor se torna íntimo aos que o temem * E lhes dá a conhecer sua Aliança.

 

17. ORAÇÃO APÓS A COMUNHÃO

P. Oremos (silêncio): Fazei, ó Pai, que os vossos filhos e filhas, pelos quais celebramos este sacramento pascal, cheguem à luz e à paz da vossa casa. Por Cristo, nosso Senhor.

T. Amém.

 

20. ORAÇÃO AO NOSSO PATRONO

T. Ó São Paulo, /Patrono de nossa Arquidiocese, /discípulo e missionário de Jesus Cristo:/ ensina-nos a acolher a Palavra de Deus / e abre nossos olhos à verdade do Evangelho./ Conduze-nos ao encontro com Jesus, / contagia-nos com a fé que te animou/ e infunde em nós coragem e ardor missionário, / para testemunharmos a todos / que Deus habita esta Cidade imensa /e tem amor pelo seu povo! /Intercede por nós e pela Igreja de São Paulo, / ó santo apóstolo de Jesus Cristo! Amém

 

19. BÊNÇÃO E DESPEDIDA

CELEBRAÇÃO DOS FIÉIS DEFUNTOS

P. O Senhor esteja convosco.

T. Ele está no meio de nós.

P. O Deus de toda consolação vos dê a sua bênção, ele que na sua bondade criou o ser humano e deu aos que creem em seu Filho ressuscitado a esperança da ressurreição.

T. Amém.

P. Deus nos conceda o perdão dos pecados, e a todos os que morreram, a paz e a luz eterna.

T. Amém.

P. E todos nós, crendo que Cristo ressuscitou dentre os mortos, vivamos eternamente com ele.

T. Amém.

P. Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho V e Espírito Santo.

T. Amém.

P. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe.

T. Graças a Deus.

 

20. CANTO FINAL (CO 1140)

Maria, ó Mãe cheia de graça. * Maria protege os filhos teus. * Maria, Maria, nós queremos, * contigo, estar nos céus!

1.Aqui servimos a Igreja do teu Filho, * sob o teu Imaculado Coração. * Dá-nos a benção, e nós faremos * De nossa vida uma constante oblação.

2.A nossa vida é feita de esperança, * paz e flores nós queremos semear. * Felicidade somente alcança * Quem, cada dia, se dispõe a caminhar.

3.Ah! quem me dera poder estar agora * festejando, lá no céu, Nosso Senhor!… * Mas sei que chega a minha hora * E então, feliz, eu cantarei o seu louvor.

 

 

CANTOS OPCIONAIS

ENTRADA(H4, p. 93 – CO 1130)

1. A vida pra quem acredita, não é passageira ilusão e a morte se torna bendita, porque é nossa libertação.

Nós cremos na vida eterna, e na feliz ressurreição. Quando de volta à casa paterna, com o pai, os filhos se encontrarão.

2. No céu não haverá tristeza, doença, nem sombra de dor. E o prêmio da fé é a certeza de viver feliz com o Senhor.

3. O Cristo será neste dia, a luz que há de em todos brilhar. A ele imortal melodia, os eleitos hão de entoar.

 

APRESENTAÇÃO DAS OFERENDAS (HL 4, p. 105 – CO 1132)

Os olhos jamais contemplaram, ninguém sabe explicar o que Deus tem preparado aquele que em vida O amar.

1. As lutas, a dor e o sofrer tão próprios à vida do ser, ninguém poderá comparar com a glória sem fim no céu.

2. Foi Cristo quem nos mereceu co‘a morte, a vida e o céu, e ainda se entrega por nós, como oferta constante ao Pai.

COMUNHÃO Sl 42(41) CO nº 266

A minh’alma tem sede de Deus, *pelo Deus vivo anseia com ardor: *//Quando irei ao encontro de Deus * e verei tua face, Senhor?//

1. A ovelha sedenta procura o riacho, * a minh’alma suspira por Deus, onde acho?

2. Dor e lágrima são meu constante alimento. * “Onde está o teu Deus?” dizem os maus e aguento.

3. Por que estás abatida e confusa, ó minh’alma? * Deus é teu companheiro: espera e te acalma.

Comunhão CD Festas Lit. IV fx 16

Quem habitará na tua * casa, Senhor, quem repousará * Na tua santa montanha?

1. Aquele que caminha, * apesar da noite e do vento, * E fitando, sem cessar, a tua estrela. * No céu o acolherás!

2. Aquele que não deixa * o manto da verdade * E põe sua força na arma da fé. * No céu o acolherás!

3. Aquele que fecha * seus ouvidos à canção do mal * E só abre a boca para proferir o bem. * No céu o acolherás!

4. Aquele que não se cansa * De estender a mãos aos fatigados * E sabe repartir o resto do seu pão. * No céu o acolherás!

5. Aquele que só se detém, para recobrar a força * e só dorme com o corpo fatigado. * No céu o acolherás!

 

 

Músicas: • CD Litúrgico IV- Ed. Paulus • Cantos e Orações – Ed. Vozes • Hinário Litúrgico 3 CNBB

 

 LEITURAS DA SEMANA: de 31 de Outubro a 6 de Novembro de 2011

 

l 2ª-: Rm 11, 29-36; Sl 68 (69), 30-31. 33-34. 36-37 (R/. 14c); Lc 14, 12-14

3ª-: Rm 12, 5-16a; Sl 130 (131), 1. 2 . 3 (R/. Guardai-me, em paz, junto a vós, ó Senhor!); Lc 14, 15-24

4ª-: Fiéis Defuntos Leituras prs:

l 5ª-: Rm 14, 7-12; Sl 26 (27), 1. 4. 13-14 (R/. 13); Lc 15, 1-10

l 6ª-: Rm 15, 14-21; Sl 97 (98), 1. 2-3ab. 3cd-4 (R/. cf. 2b); Lc 16, 1-8

l Sab.: Rm 16, 3-9.16.22-27; Sl 144 (145), 2-3. 4-5. 10-11 (R/. cf. 1b); Lc 16, 9-15

l 32º Domingo TC. TODOS OS SANTOS, Ap 7, 2-4. 9-14; Sl 23 (24), 1-2. 3-4ab. 5-6 (R/. cf. 6); 1Jo 3, 1-3; Mt 5, 1-12a (Bem-aventuranças)

Retirado:http://www.arquidiocesedesaopaulo.org.br/?q=pt-br/node/163

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: